CALEB

  Meu gosto por machos está mudando. Acho que já comentei. Antes, o meu padrão de beleza era "príncipe da São Paulo Fashion Week" ou "bombado que vende o corpo e finge ser hétero"; bem patético na verdade. Porém, de uns tempos pra cá, parei de admirar apenas a beleza plastificada, fabricada. Descobri que há algo bonito em (quase) todos os homens.   Confesso que recusei alguns caras de rosto prejudicado, mas sempre o fiz com educação. Deixava transparecer que o problema Continue lendo, caralho [...]