QUE PINTÃO, CALVIN! | E OUTRAS HISTÓRIAS

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

 

O lolito Calvin Banks estava perdido ao celular quando o porn star Billy Santoro pede que ele tire o tesouro da cueca. E que tesouro! Um caralho saboroso pra deixar qualquer maxilar dolorido.

 

Calvin é exclusivo da (fraca) Helix Studios. Mas, essa pica, esse jeito devasso, não ficaram presos ali por muito tempo.

Aguardem!

 

 

O pau de Calvin me fez lembrar do pau de Renan. Como desejei enfiá-lo na minha garganta. Renan pertencia ao grupinho de infância. Morávamos no mesmo prédio, mas não éramos tão próximos. Sofri muito bullying, vindo dele, por uma homossexualidade que eu nem conhecia.

Ficamos amiguinhos no início da adolescência. Ele já era bem desenvolvido para idade que tinha. Desenvolvido na parte que me interessa, é claro. 

 

Em um dia qualquer nos trocamos juntos após um banho de piscina. Fiquei em choque quando ele abaixou a sunga. Lembro exatamente. Renan, aos 14 anos, já tinha um cacete de “adulto”, completamente formado, peludo e lindo. É aquele tipo de pau que já impressiona só por estar flácido.

 

No ano 2000 mudei de endereço e nunca mais o vi. Renan já andava com as más companhias e os cigarrinhos de maconha. Me arrependo por não ter tentado algo. Talvez, ele fosse um curioso.

 

c (1)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *