PHEONIX REALIZANDO O MEU SONHO

gay black men cum
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

 

Tenho um fracasso na minha sexual, uma ferida, um sonho que nunca consegui realizar.

Sempre sonhei com gozadas homéricas. Quantidades de esperma suficientes para me transformar numa espécie de vela derretida, em um boneco de cera do Madame Tussaud, molenga por causa de um incêndio.

 

Amo porra. Amo a textura, o gosto, o cheiro. Acho tão viril, tão erótico. Ali está a vida. Talvez a morte também.

Em toda a minha história com sexo experimentei a porra de apenas nove caras; um número ínfimo para um cara rodado como eu, mas muito significativo para quem morre de medo de DSTs.

 

Quando assisti o vídeo do Pheonix pude sentir a sua paixão pela porra, a sua reverência pelo leite.

Senti mais inveja que tesão, confesso.

Quase chorei remoendo as minhas convicções.

É difícil ser firme.

Estou como a vela derretida.

 

Ou assista aqui.

 

2 thoughts on “PHEONIX REALIZANDO O MEU SONHO

  1. É muito difícil ser firme, sinto muito tesão em ver leite na boca e no rosto, mas assim como vc morro de medo de dst, cada dia mais difícil!

  2. Estou em chamas. Que homem. É uma brincadeira perigosa, diga-se de passagem. Tem gente que morre de medo de cair uma gotinha nos olhos ou na boca. Mantenha suas convicções e siga seu próprio conselho: experimente seu próprio sêmen. Evita “surpresas” desagradáveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *