O “HIPSTER DA SEAN CODY” VAI FAZER VOCÊ ESQUECER DO “HIPSTER DA FEDERAL”

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

 

 

Que coisa louca, hein?! Eu que sou viciado em sexo e o povo que surta?! Há motivo pra toda essa comoção por causa desse “Hipster da Federal”??? Um cara que é bonito, sim, mas que você encontra dúzias iguais em qualquer barzinho de uma cidade minimamente habitável. São clones.

O mais triste é que o momento histórico, a prisão do ladrão Eduardo Cunha, ficou de lado por grande parte da mídia. E me desculpem, mas a falta de homens no mercado está deixando algumas mulheres completamente sem noção. Tem viado bobo nesse caso, mas as mulheres estão deploráveis. 

 

Já tem gente que não vê a hora de mais uma operação da Federal só pra ver o tal “Hipster” em ação. Daí, se você perguntar se o povo sabe o que é Operação Lava-Jato, 90% diz deve ser algum caso de roubo em posto de gasolina. É mole?! Eu já ouvi uma asneira assim.

 

Hipster por hipster, vamos ficar com o gostoso Kenneth.

Pelo menos, esse já tá pelado!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Kenneth já foi modelo da Sean Cody anos atrás…

 

 

e fez já “amorzinho”. Podemos esperar por cenas de sexo.

 

6 thoughts on “O “HIPSTER DA SEAN CODY” VAI FAZER VOCÊ ESQUECER DO “HIPSTER DA FEDERAL”

  1. Tb concordo que o cara é bonito, mas nada excepcional que não encontremos pelas ruas de grandes cidades… Creio que o fetiche do policial, mesmo sem farda, contou neste episódio.

  2. Bom, um número considerável de gays sempre teve esse comportamento, vamos combinar, é que agora em tempos de redes sociais e mais liberdade, isso ficou público. As moças… Grande número… Gente, estão num desespero só. Eu, hein. Calma, meninas. Dia desses encontrei uma colega de turma de ensino médio. Nunca fomos chegados, mas a moça sempre gostou de falar e continua do mesmo jeito. Relatou suas dificuldades amorosas, perguntou se eu era gay (porque segundo ela tinha jeito no ensino médio, apesar de agora estar mais homem, ah é mesmo? Cada uma), em um dado momento do falatório culpou os gays pela concorrência. Disse que hoje mulher tinha que disputar homem com mulher e gay. Perguntou se eu era mesmo gay ou só era uma fase, ai, nessa hora senti uma vontade de desmontá-la, disse que era uma pena tanto homem “virando” gay e, falou que um ex seu a largou para ficar com um homem e até hoje estavam juntos. Falou tudo isso, e eu praticamente nada falei, nem dava atenção, mas a moça foi insistente. Está desse jeito. As meninas estão no desespero.

  3. Nem acho que falte homem no mercado, os homens estão aí, cada um com sua personalidade. Elas que são seletivas ao extremo, depois é homem que não presta e não pode ver um rabo de saia.

  4. Eu também fiquei impressionado, como que as mulheres estão tão desesperadas. Depois falam que são os gays que só pensam em sexo. O homem nem é lá essa coisa toda. O mais importante era a prisão do bandido, e o povo vem falar da beleza desse homem

  5. Eu não entendo essa fixação por qualquer cara branco com esse visual de linha de produção. Há indivíduos como ele às centenas em qualquer metrópole! Mas para desviar o foco das investigações, qualquer esforço é válido!
    P.S.: Pietro, você é o máximo! Se vier a BH, te levo para tomar um chá, discutir banalidades e experimentarmos juntos a insustentável leveza do ser.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *