PORNÔ X FELICIDADE

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

 

Outro dia me perguntaram se atores pornô são felizes. Como é que eu vou saber, cacete?! Só uma pessoa infeliz com a própria vida perde tempo se preocupando com vida de ator pornô.

 

 

Mas a pergunta me soou como um desafio e aproveitei um momento de ócio para pensar sobre o assunto. Atores pornôs são felizes? Bem, eu acho que não. E uso o preconceito para me justificar. Pornô é tratado por todos como um caminho pra quem não deu certo – ou pra quem não quis dar certo. Preconceito ou verdade? Um pouco dos dois?

 

Exposição pessoal em troca de uma ninharia deve trazer infelicidade. Transar quando não se tem vontade deve trazer infelicidade. Transar sem atração pelo outro deve trazer infelicidade. Mas minhas opiniões baseadas no senso comum. Somente quem vive do sexo pode responder uma pergunta desta com categoria.

 

É fato que a sociedade joga estas pessoas em um limbo. Por mais que seja legal ganhar dinheiro trepando, em algum momento deve bater uma “bad“. Talvez isso explica o grande número de suicídio, uso de drogas e contravenções dentro deste grupo. Nem penso muito senão paro de gozar com as cenas deles.

Então, quando me perguntam se atores pornô são felizes, eu digo que não são. Opinião pessoal. 

Admiro pessoas que ganham dinheiro com o cérebro e não com o cu. Acho que a maioria pensa assim e a discriminação surge por isso.

É um assunto incômodo e difícil.

Ninguém fala o que pensa de verdade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *