NÃO TRANSE COM UM CARA QUE NÃO LAMBA O SEU CU!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

 

Quando ouço a música Lalá, da Karol Conka, sinto que o recado dela, aos caras que não chupam buceta, cabe perfeitamente aos caras que não metem a cara no cu do passivo.

Não é apenas questão de nojo ou de preferências. É a falta de interesse pelo prazer do parceiro, que vira um mero objeto para enfiar o pau. 

Eu sempre exigi uma boa quantidade de saliva antes de ser penetrado e já deixei caras com a pica na mão por se recusarem me chupar por trás. Óbvio que, por razões estratégicas, nem sempre podemos forçar um beijo grego. Ou será que podemos? Tem tanto pau mais sujo que cu por aí. Mesmo assim poucos se recusam meter a boca.

Na verdade, o que eu quero deixar claro é: não transe com um cara que não lamba o seu cu! 

Não ceda se ele não quiser ceder.

Não finja que gostou.

Não aceite qualquer coisa por mais doloroso que seja recusar. 

 

 

Moleque mimado bolado que agora chora
Só porque eu mandei ajoelhar
Fazer um lalá por várias horas

Ele disse por aí que era o tal
Pega geral e apavora
Seduzi pra conferir
E percebi que era da boca pra fora

Dá pra perceber, existem vários
Falam demais, fingem que faz
Chega a ser hilário
Mal sabe a diferença de um clitóris pra um ovário
Dedilham ao contrário
Egoístas criando um orgasmo imaginário

Pouco importa pra ele se você também tá satisfeita
Esses caras ainda não aprenderam
que 10 minutos é desfeita
Meia bomba que tomba não aguenta o molejo da lomba
Se desmonta, tem medo e no final só me desaponta

Já fico arrependida
Seca, desacreditada e fria
Desse jeito desanima
Quero ser bem atendida

O que me anima é a habilidade na lambida
Malícia, muita saliva enquanto eu queimo uma sativa

Lá lá lá, me lambe lá
Lá lá lá, me lambe, me lambe, me dê uma lambida lá

É inacreditável, eles ficam sem ação
Quando a gente sabe o que quer e já mete a pressão
Tem que saber fazer se não gera contradição
Direitos de prazer iguais, mais compreensão

Isso daqui não tá de enfeite
Dá um jeito, se ajeite
Sem ser fake, então vai se deite
Se eu quero, respeite

O clima deixa de ser quente, confundiu minha mente
Falam de mais, quando chega na hora
a ação não é equivalente
Nem vem
sou apenas mais uma com experiência e sabe quem tem
Vejo vários convencidos
achando que no final mandou bem

Minhas amigas concordam também
Vocês podem ir mais além
Sem dedicação espantam um harém

Curvem-se, encostem os lábios na flor
Quebra esse tabu, isso não é nenhum favor

O que me anima é a habilidade na lambida
Malícia, muita saliva enquanto eu queimo uma sativa

Lá lá lá, me lambe lá
Lá lá lá, me lambe, me lambe
Me dê uma lambida lá
Lá lá lá, me lambe lá
Lá lá lá, me lambe, me lambe
Me dê uma lambida lá

 

6 thoughts on “NÃO TRANSE COM UM CARA QUE NÃO LAMBA O SEU CU!

  1. Finalmente encontrei em um blog algo que sempre questionei e refleti.
    Já teve amiga minha que reclamou que o namorado mandava uma pintada boa, mas não chupava ela de jeito nenhum, como tem ativo que não curte chupar um cuzinho e simplesmente da aquela cuspida básica, como vemos em muitos pornôs da vida.
    O que me faz questionar como pode um ser gostar de uma coisa e ao mesmo tempo sentir nojinho?
    Sejam héteros ou ativos que querem receber um famoso boquete, mas não querem faze-lo, ou que enfiam seus pintos na xereca da mulher ou no cú do passivo e depois querem que o mesmo chupe de novo. Agora vai mandar eles chuparem uma buceta que já passou um pinto ou um rabo que acabou de dar?
    Muitos homens dizem que tem mulheres que tem frescuras, não querendo fazer sexo anal, ou outras coisas de seus interesses, mas quem tem frescuras são ELES.
    Não curto a Karol Conka, mas esse rap dela nos faz refletir algo que eu já sabia: SÃO OS PENETRADORES QUE TEM FRESCURAS !!

  2. Que triste Karol Conká ser referência pra alguma coisa. Essa aí é uma arrogante que se perdeu no personagem de feminista lacradora.

  3. Os anos te fizeram tão bem, Pietro 💕
    Você está cada dia mais maduro. Um puto sensato! hahaha

    Beijão!

  4. Se preocupar em dar prazer ao parceiro deveria ser o óbvio, né. Mas acho que nada tem que ser por imposição. “Só fico com vc, se vc chupar aqui ou lamber ali, ou fazer isso”. Acredito que haja uma evolução. Tem muito cara que no início não faz oral, não faz cunete, não masturba o parceiro. Mas na 5º transa, ele toca e brinca com o pênis do passivo. Na 6º vez, ele tem curiosidade de fazer oral. Na 7º ele chupa o cu e os mamilos. Na 8º ele se sente seguro com sua sexualidade, se desconstrói e faz passivo pela primeira vez. Na 12º, ele já te pedindo em namoro kkkkkk e assim vai.

  5. Conversava com uma amiga sobre isso, ela me disse que héteros não curtem chupar bct (duas lambidas e já metem), achei que todos curtiam, pelos vídeos que vejo nos xvídeos mas parece que não.

    Se o cu estiver bonito eu chupo e muito, eu gosto de dar prazer e acho que já falei isso aqui, então, se ficar comigo, vai ser devidamente saboreado onde quiser que a minha boca vá!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *