A VOLTA DE FERNANDO ALBUQUERQUE AO SEXO PAGO | E OUTRAS HISTÓRIAS

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

 

 

Algumas pessoas já me perguntaram – como se eu fosse um oráculo ou algo do tipo – quais os motivos que levam um cara à prostituição. Como um pequeno conhecedor desse universo eu até poderia especular, mas esse texto ficaria gigante. Além disso, cada pessoa, cada cabeça, decide por si só. As histórias também são únicas. 

 

Entretanto, três fatores sempre aparecem quando algum michê expõe os seus motivos: necessidade extrema e urgente; objetivo futuro e/ou a opção pelo dinheiro rápido, mesmo que polêmico. Há putos que fogem do sistema normativo de trabalho como o Diabo foge da cruz. Outros alugam seus buracos para custearem a educação superior ou abrirem alguma empresa no futuro. Muitos fogem da pobreza e de uma condição social ruim, encontrando no sexo pago uma forma de sobrevivência, regatas apertadas e baladas semanais.

Já vi, pessoalmente, esses três exemplos e outros mais. São histórias que renderiam um livro babadeiro à la Bruna Surfistinha e talvez um filme de sucesso.

 

 

A maioria desses garotos nunca para definitivamente, por mais que queiram. No decorrer da “aposentadoria” fazem um ou outro afago em troca de favores ou de grana viva. Caso a coisa aperte mesmo retornam ao mercado de vez. Às vezes tão gostosos quanto antes. É o caso do Fernando Albuquerque; michê pauzudo, dotadão e carioca, que nunca foi esquecido pelos consumidores de boys. Confesso: não acreditava que ele retornaria. Anos atrás, eu descobri um pouco sobre a vida dele, nome verdadeiro, vida em família e toda a chatice destinada a um “homem hétero”. Estaria com a minha mão carbonizada se eu a colocasse no fogo por ele.

Sempre quis fodê-lo, na verdade. Quase aconteceu uma vez, mas o preço daquele cu estava muito acima do orçamento que eu dedicava aos meus prazeres secretos. Nem por uma bunda virgem eu pagaria o que ele cobrava por uma hora. Então, deixei apenas na vontade, na fantasia, e não me arrependi. Transferi o meu tesão para roupas, um jantar com amigos e quatro bundas fodidas por mim no clube de sexo. E ainda sobrou aqué.

 

 

 

 

 

 

Hoje, não sei se ele ainda é “O Fernando” ou está na média dos outros garotos. 

Nem quis saber pra não mexer com um desejo adormecido. Prefiro os jantares.

 

 

>><<

 

 

Outro que botou o pau pra negócio foi o gogo boy  dotadíssimo Fábio Santana. Saiu do armário secreto dos strippers que atendem no escuro. 

Eu só queria entender porque ele escondeu o rosto. Quem não reconheceria esse cacete?!

 

 

 

Fábio, por favor, não cobre por centímetros!

 

 

 

Tem anúncio e tudo. Veja aqui.

 

Pietro Damasceno

11 Comments

  1. Já contratei o Fabio-Junior. Cheio de frescuras, não pode nem relar na bunda! Não faz nada! Sem pega nenhuma! Louco pra ir embora!

  2. Você esqueceu o principal motivo do que leva esse pessoal a prostituição – drogas,festas e ostentar o que não podem ter.
    Não raro a gente encontra uma infinidade de GP em festas,sempre no camarote,comprando combos e etc.Alguns com carrões e mulheres gostosas (algumas ainda caem no conto do vigário). Cena muito frequente no camarote na The Week,Caribean/Vila Mix/Pachá e na Cantho aos domingos (que pode-se contar nos dedos quantos não são gps dentro do camarote de lá).
    Sem contar uma pensão ou outra que aparece pra pagarem né

  3. Realmente você tem toda razão! O Moisés… Ôps! O Fernando continua lindo. Odiei as tatuagens. Cafonérrimas! Espero que ele volte a filmar também. Eu não o acho bom nem como ativo, nem como passivo. O que me encanta é o tipo de beleza dele, sua desenvoltura para fingir (quase um ator) e seus atributos físicos.

  4. Achei ele outro dia em um site de anúncios e resolvi perguntar, ele me disse que cobra 500 reais na hora que li isso parei de conversar, ele é gostoso mas não vale tudo isso

  5. Pietro posta o ensaio completo do “Júnior” nesse site de encontros.
    Por favor, devasso! 😈

  6. que tatuagens mais uo essas do Fernando..

  7. E eu lá quero que ele me chupe. O cara com o pau desses, a gente quer é ser fodida por ele. Ele é um monstro isso de perto é uma loucura. Agora que eu vou gastar tudo por esse pau maravilhoso.

  8. Isso mesmo Alberto. Gosto assim. Esses GPs só sobrevivem porque basicamente atendem homens e vem com essas. Mas não duvido nada que isso seja até mesmo um chamariz para muitos moços que gostam de GPs que postam isso. Homem com homem ofende mais que mulher com mulher. A homossexualidade masculina é uma afronta as noções tradicionais do “homem macho”.

  9. Fábio Santana ou Junior segundo o anúncio não beija na boca e não faz oral em homens! Ele que fique com todos os centímetros pra ele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *